Header Ads

Monumento mais importante do bairro continua vandalizado

Monumento mais importante do bairro continua vandalizado

Esse monumento do mestre Didi, que recebe o título de cetro da ancestralidade, fica na Rua da Paciência, no Rio Vermelho em um lugar de destaque, próximos á quadra de esporte, um área bastante movimentada, mas não tem sossego ! As pombas já foram roubadas duas vezes e agora, o vandalismo chegou ao extremo de quebrar uma das asas da pompa que compõe o monumento, e assim continua. A placa de identificação também com material completamente inadequado para a área, parece até que tiraram uma xerox de uma folha de papel e coloram! O material está desbotado e dentro de poucos dias não vai dar para ler mais nada! Não dá mesmo para entender a lógica que move a gestão, tanto dinheiro gasto na requalificação do bairro e um material de quinta categoria para identificar um dos monumentos mais importante, não só do bairro, mas da cidade, não apenas pela relevância do autor, mas seu significado, na medida em que remete a ancestralidade, formação de nossa identidade. Isso é resultado da falta de identidade dos gestores com a história da cidade. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.