Header Ads


Denuncie maus tratos contra crianças, disque 100

Francisco Rosa mais uma rua do Rio Vermelho abandonada pela prefeitura

15 comentários:

  1. Ontem (domingo) tinha sombreiros com mesas e cadeiras de ponta a ponta da calçada, com direito a som automotivo nas alturas. O que também impulsiona esse comercio informal é o baba improvisado que acontece durante os finais de semana num terreno abandonado que fica ao lado do Edf. Recanto do Morro. Acho interessante acionar o dono desse terreno para tomar as providencias cabíveis, o mesmo tem responsabilidade pela desorganização do local.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O dono do terreno tem que ser chamado às falas

      Excluir
    2. O lixo está tomando conta da rua. A Limpurb não toma nenhuma providência relacionada à retirada do container de lixo da rua. Já telefonamos diversas vezes, falamos com o Clayton (chefe da NL da Limpurb), com Ivelise (gerente da fiscalização), mas não tem adiantado. Além disso, o terreno que facilita o repositório do lixo não tem sido cuidado pelos seus proprietários (Carlos Geraldo, Augusto Borges etc). O terreno não está murado, não tem passeio e não sofre nenhuma manutenção. Um abandono total!

      Excluir
  2. Me solidarizo no que diz respeito ao abandono deste trecho de rua que também atinge a todos os moradores da Rua Rodrigo Argolo. Precisamos nos organizar, dialogar pra ver que tipo de ações cabem ao bem estar publico e, mais especialmente, de nós moradores dessa área

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz sentido essa colocação, precisamos ver também o que podemos fazer.

      Excluir
    2. O lixo está tomando conta do Morro das Vivendas. É preciso que que a LIMPURB retire DEFINITIVAMENTE o container de lixo que fica na Rua Francisco Rosas. O lixo pode causar diversos problemas de saúde, dificulta a passagem de carros e pedestres, pois se espalha pela rua e tem sido usado para assaltos (os carros, ao reduzirem a velocidade, são parados por bandidos que sobem do Vale das Pedrinhas). Além disso, é preciso que a Prefeitura tomem providências relacionadas à segurança da região. O campo de futebol ´é fruto de uma invasão de propriedade privada e tem servido como ponto de compra e venda de drogas, comércio irregular e muito barulho. Onde estão os nossos representantes? Onde está a fiscalização?

      Excluir
    3. Fico muito triste com a atual administração dessa cidade, existe a falta de atenção ás nossas denuncias e pedido de socorro, acho que eles fazem vistas grossas... mas estão de olho em nosso IPTU que diga-se de passagem é muito caro. Vamos nos unir pessoal e mudar esse cenário, pelo amor de Deus. Soube que o pessoal da comunidade fez manifestação quando o terreno do "campinho" ficou ameaçado de não ser utilizado por eles e não é que conseguiram? pois é, não adiantou o dono do terreno ter despesas em se cercar de seguranças para mandar cavar o campinho, pois eles foram lá e repuseram o barro e o campinho está funcionando a todo vapor, com jogos, churrascos etc...Será que temos o direito de nos manifestar em nosso favor?

      Excluir
  3. Todos os dias passo por este trecho de rua e me entristece. De que jeito podemos tentar resolver esse problema que atinge toda a comunidade de moradores e seus vizinhos? Isso é grave, gente!!

    ResponderExcluir
  4. O Morro das Vivendas é dos melhores exemplos do abandono do Poder Público. Aos poucos a ocupação desordenada, o comércio informal, o desleixo, o lixo e a insegurança começam a tomar contar das ruas. Como registram as fotografias aqui postadas, os moradores são obrigados a conviver nos últimos meses com ações que ameaçam sua segurança e saúde.

    É urgente que o Poder Público assuma o papel para o qual pagamos (e pagamos muito caro) para ele fazer. Não há desculpas: não falta dinheiro ou efetivo, falta apenas o bom senso, o sentido de civilidade.

    De qualquer modo, sem a iniciativa dos moradores, da sociedade civil, as coisas não andam.

    ResponderExcluir
  5. Concordo e endosso o que foi escrito acima. Tem dias que o odor é insuportável. A sensação de descaso e abandono é total!

    ResponderExcluir
  6. Nós, moradores dessa área, devemos começar a fazer algo, de maneira simples, educada, para que as coisas andem. Não dá pra falar, denunciar, sem que a gente tente mostrar nossa papel de cidadão. Exigir do Poder Público também já está passando da hora!!

    ResponderExcluir
  7. Um horror! Um abuso! Um desrespeito! Pagamos impostos e caros e não é justo passar por isto! Lixo, poluição! Ninguém merece!!

    ResponderExcluir
  8. Se o poder publico não tomar as providencias urgente, sugiro ninguém pagar IPTU, TL e CONDOMÍNIO. Trata-se de uma arrecadação de mais de 1 milhão de impostos por ano só no morro das vivendas e não temos uma praça restaurada, passeios esburacados, não temos segurança, e sujeira para todo lado. Apartamentos sem alugar por conta desses problema, outros já alugados para a copa. Será uma imagem maravilhosa nossa para o mundo.
    Parabéns aos responsáveis por isso tudo. E espero que nos unimos e tomamos as providencias. Do jeito que vai se chamará favela do morro das vivendas.

    ResponderExcluir
  9. O fedor exalado do lixo é insuportável e atrai ratos e moscas!! O barulho é outro fator desagradável, não tem como descansar dentro de sua própria casa, nem de estudar, pois carros de som junto com mesas, cadeiras e geladeiras tomam espaço, formando um bar na calçada de uma rua RESIDENCIAL, ou seja, própria para moradores q querem desfrutar de paz, silêncio e um ambiente limpo de acordo om o IPTU que pagamos referente a bairro nobre! Fora esses problemas ainda tem dois terrenos baldios, que servem para o tráfico de drogas e estimulam assalto, pois facilitam a fuga de bandidos! Precisamos de medidas urgentes, pois já houveram denúncias e o Poder Público não se mobiliza!

    ResponderExcluir
  10. Alem da sujeira, nas ultimas tres semanas foram quatro carros de moradores levados sob a mira de revolveres em plena luz do dia! Um deles com vitima fatal.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.