Header Ads

Entidades e comerciantes querem casa de striptease fora do Rio Vermelho

Entidades e comerciantes querem casa de striptease fora do Rio Vermelho
O rebu se estabeleceu no Rio Vermelho com a inauguração da casa de shows de striptease, bem em frente ao Largo de Santana, na Rua João Gomes. A Amarv – Associação dos Moradores e Amigos do Rio Vermelho, assim que tomou conhecimento do novo ramo de negocio levou ao conhecimento do subprefeito Raimundo Castro, solicitando do mesmo providências junto à prefeitura, comerciantes da área também não gostaram de ver ao lado dos seus estabelecimentos esse tipo de atividade. O vereador Claudio Tinôco, fiel escudeiro do prefeito ACM Neto, diz em nota distribuída para a imprensa que foi procurado por moradores e comerciantes queixosos da nova atividade no bairro. Ele informa que solicitou que a Secretaria Municipal de Urbanismo (Sucom) fiscalize as "casas de prostituição" instaladas na orla de Salvador, pediu também averiguações da Sucom sobre a regularidade das licenças e alvarás que esses estabelecimentos possuem.

Diante dessa situação algumas perguntas precisam ser respondidas: afinal, quem autoriza a instalação de atividades comercias no município, não é a própria prefeitura? Como é que se concede um alvará de funcionamento sem a devida análise, se pode ou não ser instalado em uma rua ou em um logradouro? Existe alguma regulamentação de áreas para esse tipo de shows eróticos? E mais, essa atividade é ilegal? Ou será que a certeza da impunidade leva os solicitantes a ludibriarem o poder público pedindo autorização para funcionar uma coisa e depois instalam outra?

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.