Header Ads

Saem as placas de João entram as de ACM. É assim que o dinheiro público vai para o ralo

Na gestão passada várias placas foram distribuídas no bairro (e na cidade) para disciplinar os horários de carga e descarga, até o prefeito foi para a rua prender caminhão. As placas ficaram penduradas e ninguém obedeceu. Vem a nova gestão, edita um novo decreto, retira as placas anteriores e coloca novas, com o mesmo propósito e mais uma vez o problema vai continuar porque falta à prefeitura uma coisa que é essencial para qualquer lei pegar: fiscalização. É as placas vão servir apenas para poluir mais ainda as ruas. É assim que o dinheiro público vai para o ralo. Seria interessante um vereador requerer ao Executivo, os valores gastos com essas placas.

Leia tudo que já foi publicado sobre a Lei da carga e descarga em Salvador

Saem as placas de João entram as de ACM. É assim que o dinheiro público vai para o ralo
Saem as placas de João 
Saem as placas de João entram as de ACM. É assim que o dinheiro público vai para o ralo
Entram as de ACM e o problema continua 

Um comentário:

  1. Postagem correta: o problema não é de placa, mas de fiscalização

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.