Header Ads


Denuncie maus tratos contra crianças, disque 100

Rua do Canal será contemplada com iluminação pública do Programa Salvador Mais Luz

Rua do Canal será contemplada com iluminação pública do Programa Salvador Mais LuzA Diretoria de Iluminação, órgão vinculado à Secretaria Municipal da Ordem Pública (Semop), inicia o programa Salvador Mais Luz, que levará serviços de iluminação para os bairros da capital baiana, num investimento de aproximadamente R$ 373,5 mil. A medida integra o Salvador Bairro a Bairro, iniciativa que percorreu diversas localidades da capital ouvindo e catalogando as principais demandas da população relativas a temas pertinentes ao cotidiano do município, tendo por objetivo a execução de serviços essenciais nessas comunidades.

As obras envolvem a substituição de luminárias e relês, além da troca das lâmpadas de sódio por equipamentos de vapor metálico, o que proporciona um aumento da eficiência, garantindo maior índice de reprodução de cores. "Ao longo do ano, fizemos um vasto levantamento das ruas da cidade e mapeamos a necessidade de cada uma para, a partir daí, iniciar o trabalho", informa o diretor de Iluminação da Semop, Bruno Barral.

De acordo com o gestor, todo mês será realizada uma grande obra nas localidades selecionadas. A primeira etapa contemplará as ruas Almirante de Tamandaré e Mourão de Sá, em Paripe; Lívia Gifone, Hélio de Oliveira e Raul Leite, na Vila Laura; ruas Engenheiro Austricliano (Ladeira do Cacau) e Nestor Duarte, em São Caetano; Rua do Canal, no Rio Vermelho; Rua Dr. Arthur Gonzales, em Pau da Lima; e Rua Direta da Engomadeira. O trabalho prosseguirá mensalmente até atingir todos os bairros da cidade.

Operação – Para início dos trabalhos, foi necessária a realização de estudos nos locais onde serão executadas as intervenções, sobrevoo teleguiado com o auxílio de drones e visitas às ruas onde os serviços serão implementados. "A próxima etapa consiste na assinatura das ordens de serviço para começar as intervenções. Após iniciadas, as obras levam em média de três a quatro dias e, a partir disso, entram em execução", informa Barral.

Todo o processo começa com a identificação das áreas através de vistoria técnica. Em seguida, se dá a aquisição de material, triagem e execução dos processos. "Este é um legado para a cidade, que vai acontecer de forma gradual. O mais importante é que tudo isso se dá após um estudo detalhado sobre as principais necessidades da comunidade que vive e frequenta essas ruas, bairros e avenidas da cidade. A operação segue critérios específicos para garantir maior eficácia no sistema de iluminação pública", avisa Bruno Barral.

No total, 500 luminárias serão instaladas nessa primeira etapa. A meta é renovar 2% do parque de iluminação de Salvador, que atualmente conta com 170 mil pontos de luz. "Com a troca e adição de novas lâmpadas, de imediato a população perceberá mudanças significativas no índice de reprodução de cor e o aumento da sensação de segurança. Outro ponto positivo é a redução de gastos futuros com manutenção e a economia nas contas de luz, devido ao novo padrão de equipamento utilizado". (Informa Agecom).

Leia também: Iluminação na Rua do Canal

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.