Header Ads

Comissão de Obras também critica a prefeitura

Comissão de Obras também critica a prefeitura
Montanha de terra no Largo da Mariquita 
Se por um lado a Comissão de Obras formada por moradores, comerciantes e representantes de entidades para o acompanhamento dos serviços em andamento no bairro, recebeu uma saraivada de criticas do grupo "Rio Vermelho em Ação", na reunião realizada ontem(4), no Sesi, por outro seus integrantes não pouparam criticas à prefeitura com relação aos problemas causados. Segundo eles, pela falta de planejamento na execução das obras, causando inúmeros transtornos para comerciantes e moradores. O pior é que os representantes da prefeitura que compareceram à reunião, não souberam responder e nem prestar maiores informações aos questionamentos levantados.

Um dos pontos questionados pela comissão refere-se à parte do projeto em execução no Largo da Mariquita. O argumento é de que não atende completamente à criação de espaço de convivência, lazer e entretenimento que contemple a todos os moradores, usuários e visitantes. Com o andamento das obras o largo está praticamente soterrado comprometendo seriamente as antigas amendoeiras.

O projeto com previsão de poucos jardins, a cobertura do rio e a presença de muitas áreas cimentadas que se reverterão em grande fonte de calor, preocupa a comissão. Eles lembram que o Código de Obras da PMS prevê que projetos arquitetônicos e urbanização devem ter pelo menos 20% de sua área total permeável e o projeto atual não contempla esta determinação.

Alegam ainda que a retirada das poucas áreas de jardim, com a inclusão apenas de pequenas jardineiras no largo só agrava a situação, propõe a incorporação de mais áreas de jardins (100% de permeabilidade) no Largo da Mariquita, desconsiderando no calculo dos 20% de permeabilidade as áreas de intertravados, pois o mesmo possui apenas 0.1% de permeabilidade, mesmo assim se assentados sobre areia e sem rejuntamento.

Eles querem a ampliação dos espaços abertos sombreados com vegetação, bancos e a criação de um playground para crianças, com área sombreada para eventos tipo feira de orgânicos, artesanatos, eventos culturais e esportivos, entre outros e sugerem um grande pergolado com vegetação apropriada a orla.

Leia também:

Obra de requalificação: Reivindicação de audiência pública continua na pauta

Descontentamento generalizado marca reunião no Sesi

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.