Header Ads

Mais uma vez retirado o lixo e entulho da Rua Maragogipe

Mais uma vez retirado o  lixo e entulho da Rua Maragogipe A prefeitura removeu mais uma vez o lixo e entulho desse trecho da Rua Maragogipe. É incompreensível que uma pessoa faça obra ou reforma e pegue os restos de construção e joga no primeiro terreno baldio que encontra ou mesmo em esquinas das vias pública gerando uma série de problemas para toda a comunidade. No bairro são muitos os exemplos dessa falta de cidadania.

No último feriadão um cidadão no Parque Cruz Aguiar foi fotografado por um morador da área, quando carregava um saco de resto de construção para jogar nas proximidades de onde estavam executando o serviço, no prédio abandonado conhecida como balança mais não cai,  local que já virou um deposito de lixo e entulho.  Se o responsável pela obra tivesse contratado um contêiner como determina a lei, certamente não mandaria jogar no terreno alheio. Enquanto parte da população continuar com essa postura, não tem prefeito que dê jeito nessa cidade. Enfim, voltamos a bater na mesma tecla: Sem educação não tem solução!

Confira o que já foi publicado sobre a rua Maragogipe

Confira o que já foi publicado sobre a rua Feira de Santana

Mais uma vez retirado o  lixo e entulho da Rua MaragogipeMais uma vez retirado o  lixo e entulho da Rua Maragogipe

Um comentário:

  1. Não tem prefeito que dê jeito numa Salvador com esse percentual elevado de população mal educada . Nem é questão de classe ! O cidadão que mandou depositar o cascalho no " Balança mas não cai" , se teve dinheiro para fazer a sua reforma, deveria ter também para se desfazer, pelos meios lícitos e legais, das suas sobras. Foi para economizar ! Pagou umas merrecas a um homem forte que colocou três sacos nas costas, claro que um de cada vez, e fez o serviço Mas o costume continua. Outro cidadão , este famoso , também aqui, do Parque, pessoa conhecida, cujo nome me reservo de não mencioná-lo , de anteontem para ontem, mandou podar
    algumas árvores velhas e secas na sua casa. Adivinhem onde mandou jogar o seu descarte ? E um detalhe : ele pode pagar 100 reais ou mais para alugar um container. Acontece que o cara, este, anda " no mundo da lua ". No entanto, tudo isto acontece por falta absoluta de fiscalização. Nós precisamos de uma boa equipe de fiscais, gente que saiba avaliar situações, mas, enquanto isso não acontecer, Salvador continuará sendo o que, para infelicidade nossa, é . Nós que gostaríamos de vê-la um pouco mais arrumadinha com cara de cidade civilizada !É muito simples seguir o rastro de certos descartes. Um trabalhinho de investigação e se chega ao ponto de origem . Não vamos precisar de um Sherlock Holmes !

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.