Header Ads


Denuncie maus tratos contra crianças, disque 100

Bar "moderninho" bota pra quebrar na Rua Ilhéus e inferniza vida dos moradores

Bar "moderninho" bota pra quebrar na Rua Ilhéus e inferniza vida dos moradores Bar com pinta de moderninho, funciona de forma antiquada ao promover poluição sonora tirando o sossego dos moradores da Rua Ilhéus, no Parque Cruz Aguiar. Sem licença para utilização sonora, desde que começou a funcionar há pouco mais de um mês, o espaço, mistura de escritório com bar e restaurante, tem promovido eventos ao ar livre com bandas de música abusando do volume do som e demonstrando a falta de bom senso e espirito comunitário de seus proprietários. Apesar das seguidas autuações da SUCOM, que tem sido chamada pela desesperada vizinhança, os proprietários não se intimidam. Será que a SUCOM e o estado de direito vão perder esta briga de braço?

Tropos responde em: Bar Tropos diz que denúncia de moradores publicada no Blog contém "inverdades"

7 comentários:

  1. Infelizmente, já vimos este filme antes muitas vezes aqui no Parque. O estabelecimento fecha as portas em pouco tempo, e tem até aqueles que deixam um monte de dívidas com fornecedores e empregados, inclusive meses de aluguel sem pagar.

    ResponderExcluir
  2. Estranho uma "matéria" de um blog completamente demagogo, defensor de uma "reforma" que não conta com o apoio da maioria dos moradores e que elimina toda a tradição do rio vermelho, usar a expressão "moderninho" para o espaço cultural Tropos. Sem falar da falta de informação, pois o lugar tem sim autorização e eu como músico, morador, vizinho e frequentador do local já procurei me informar em relação a isso. AMARV não representa o Rio Vermelho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será mesmo que a reforma não conta com o apoio da maioria? Tenho dúvidas

      Excluir
    2. Se a Amarv não lhe representa problema seu e da Amarv, se a reforma também não está lhe agradando vá reclamar com o prefeito. Quanto à denunciando de barulho são os moradores da área que estão se queixando. Se vc é um defensor do bairro então faça uma pesquisa na área e pergunte aos moradores se estão satisfeitos.

      Excluir
  3. Existe um saudável espirito de solidariedade entre os moradores aqui do Parque e, por isso, acho difícil um vizinho apoiar um estabelecimento que incomoda os outros vizinhos e vir a público dizer isto sem se identificar. Não duvido que o estabelecimento tenha um alvará de funcionamento, mas, pelas multas que levou, está claro que não possui autorização para utilização sonora, do contrário o ambiente deveria ser fechado e possuir o tratamento acústico para impedir que o som vaze como manda a lei.

    ResponderExcluir
  4. A reforma não tem o apoio da maioria dos moradores??? O que não tem apoio da maioria dos moradores é a confusão causada por diversos estabelecimentos comerciais que não tem estacionamento e seus frequentadores param os carros nas calçadas quebrando totalmente os passeios, além das ruas amanhecerem cheias de sujeira e vidros de garrafas das bebidas consumidas. Isso é manter a tradição do bairro?? Pra quem??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvana você está certa, infelizmente boa parte do comercio que se estabeleceu no bairro de bares e restaurantes é predador. Sujam o bairro, infernizam a vida dos moradores com som fora dos limites, os fraquentadores usam e abusam da nossa paciência com carros estacionados sobre os passeios, nas portas e até nas garagens das residências impedindo o acesso dos moradores. Quanto a obra, tenho certeza que a maioria dos moradores estão apoiando sim. Esse pessoal que fica falando em descaracterização é quem mais esculhamba o bairro, nunca vi esse turma fazer nada em beneficio do Rio vermelho e ainda se acham no direito de ficar criticando quem trabalha pelo bairro. Sugiro ao Blog fazer uma pesquisa de opinião para saber qual é mesmo a opinião dos moradores.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.