Header Ads

Praça Carlos Batalha será a única no país com trabalho artístico artesanal

Praça Carlos Batalha será a única no país com trabalho artístico artesanal
Ed cedeu direitos sem ônus
para a prefeitura 
A proposta de valorização da praça Carlos Batalha, noticiada há sete meses neste Blog, quando o consagrado artista plástico Ed Ribeiro foi motivado por um convite do amigo Silvio Batalha, para executar um projeto inovador tornando o logradouro único no país a possuir um trabalho artístico artesanal no piso em torno do busto, sendo imediatamente aceito e esta quase concluso.

O artista cedeu direitos sem ônus ao poder público, enquanto Silvio coordenou parceria com a prefeitura e com aprovação e apoio da AMARV. A equipe técnica conduzida por Ed Ribeiro tem se esmerado na execução. O busto de Carlos Batalha será o centro do sol colorido irradiando raios nos quatro acessos ao centro da praça que irá valorizar a área que tinha um piso de cimento crespo e degradado pelo tempo. A prefeitura irá revitalizar toda praça para ficar em consonância com o projeto. Essa é mais uma homenagem a memória do engenheiro que dá nome à praça, nos 467 anos de fundação da cidade que tanto serviu e se dedicou com seu reconhecido profissionalismo.

A segurança local também foi reforçada com instalação de equipamento de última geração digital com câmeras de lentes infravermelhas que detectam movimento com nitidez plena no escuro.

Praça Carlos Batalha será a única no país com trabalho artístico artesanal
Busto de Carlos Batalha será o centro do sol colorido irradiando raios nos acessos ao centro da praça

Um comentário:

  1. Eu estou achando os trabalhos demorados . Tem tempo que a praça está indisponível para os moradores , principalmente para as mães , que levam as suas crianças para brincar na parte da tarde, quando o sol está descendo e formando-se sombras agradáveis. A praça está fazendo falta à comunidade, pois muitas pessoas costumam sentar-se nos 4 bancos ,simplesmente para relaxar , tomar um fresquinho de uma boa ventilação que vem do mar , ouvindo músicas ,falando ao celular , lendo , mesmo comendo um acarajé ou , simplesmente, amigas conversando com amigas, provavelmente trocando receitas. É preciso apressar os trabalhos e devolver a praça à comunidade.Na minha avaliação , o projeto já deveria ter sido concluído há muito tempo .Vejo muita lentidão!Ele não é tão complexo assim! A demora, está prejudicando os moradores do bairro. Sei que na requalificação da praça tem embutido um propósito de ordem pessoal. Concordo. Mas , com a demora , não! Será que eu vou gostar do resultado final ? Não importa. Ela , a requalificação, não está sendo feita para mim...

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.