Header Ads

A questão dos idosos nos ônibus de Salvador

Por Sarnelli

Foi ontem. Tive a necessidade de ir ao Shopping da Barra e peguei um ônibus no ponto que fica em frente do nosso antigo cinema. Eram cerca de 10 horas da manhã. Subi pela frente, como sempre, e fiquei encurralado naquele espaço dianteiro pois o ônibus era do tipo que tem a catraca na frente. Todos nós sabemos que há dois tipos de ônibus em circulação. Há um, que tem a catraca no fundo e nele se entra pela porta do fundo. Pois bem, tudo tranquilo, eu perguntei ao cobrador se já estava tudo liberado para os idosos e ele me disse que sim .Lembrando que eu não fui naquela de tirar o cartão magnético que inventaram para o idoso. Eu, então, perguntei: se eu quiser passar para o fundo (que estava quase que totalmente vazio), posso? Não, não pode, me respondeu. Por que, o senhor não tem o cartão para libertar a passagem? Ter, tenho, respondeu, mas essa máquina aqui não o aceita! Ou, disse-lhe eu: o senhor tem o cartão para liberar e a máquina não aceita, como é isso? A máquina que aceita este cartão é de outro tipo. É a maior. Na verdade não acreditei nessa. Me pareceu estranho. Nisso, o motorista que ouviu toda a nossa conversa, disse: senhor, no primeiro ponto em que eu parar, desça pela dianteira e entre pela porta do meio que eu vou abrir para o senhor subir. Dito e feito. O primeiro ponto foi aquele da Vila Matos. Eu viajei sentado e tranquilo descendo no ponto da Centenário, em frente ao Shopping da Barra, agradecendo ao motorista e ao cobrador. Foi apenas um papo. Não é uma esculhambação? Eu gostaria que esta historieta fosse divulgada, para conhecimento dos desavisados. A lei que dá gratuidade aos idosos maiores de 65 anos é federal e determina que é necessário apenas exibir um documento de identidade oficial que tenha foto do portador. Aqui em Salvador, criaram uma confusão com o cartão do idoso, que foi desativado.

Tudo isso, numa conversa bastante cordial.

Para não ter problema, é conveniente "identificar" onde está a catraca (é fácil) do ônibus e pedir ao motorista, fazendo sinal, para que abra outra porta que permita subir nele sem ficar, eventualmente, encurralado pela catraca, por causa da incompatibilidade do cartão magnético do cobrador, com a maquininha que visualiza e libera a passagem! ...

Isso é algo que todos os idosos precisam ficar sabendo. Está liberado, mas tem uns detalhes que atrapalham!...

Divulgue-se! rsrsrsrsrsr

A questão dos idosos nos ônibus de Salvador

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.