Header Ads


Denuncie maus tratos contra crianças, disque 100

Confira reportagem publicada na Tribuna da Bahia sobre a invasão das muriçocas no Rio Vermelho

Despoluir ou cobrir? Eis a questão
A invasão das muriçocas no Rio Vermelho, tema de postagem neste Blog, virou assunto de reportagem publicada na Tribuna da Bahia desta segunda-feira(11). Confira a matéria e veja que moradores e pessoas que trabalham na região defendem a cobertura do Canal, onde a água podre fica acumulada, como solução do problema. Você concorda com isso? Leia a matéria e dê sua opinião. (Texto Nelson Rocha -Tribuna da Bahia)

4 comentários:

  1. Cobrir e criar áreas de convivência já

    ResponderExcluir
  2. Cobre logo esse esgoto. Isso jamais voltará a ser um rio. Cobre e faz estacionamentos. Rio Vermelho carece de vagas de estacionamento. Vários carros parando em cima dos passeios. Vamos gerar renda em vez de mau cheiro. Cobre aquela coisa feia.

    ResponderExcluir
  3. Acho que a cobertura do rio é algo a ser estudado com muita cautela. Por um lado nos moradores teriamos retornos imediatos como a disponibilidade de um novo espaço e a diminuição e não supressão do mau cheiro existente na região. Por outro lado, se não for um estudo bem elaborado sua cobertura pode colaborar para a aumento das ilhas de calor ( Ou seja, o bairro poderia ficar mais quente) e também para intensificar os problemas relacinados ao escoamento da agua durante periodos de chuva. Eu compartilho uma idéia na qual prefiro um estudo de recuperação do rio junto a sua cobertura parcial e instalação de parques com arborização.

    ResponderExcluir
  4. Um dos problemas do rio é a EMBASA ,com as suas descargas que levam para o mar tudo o que não presta, polui as águas e inutilizam a praia. Quanto à cobertura, é necessário um estudo aprimorado que possa resolver o problema e, ao mesmo tempo, servir a população e melhorar o bairro. A questão do estacionamento também deverá fazer parte da soluÇão do problema e a arborização da área para não se criar mais uma fonte de calor como diz o Lucas Mota. Tem muito trabalho para resolver a questão mas a Prefeitura tem engenheiros, arquitetos, paisagistas e todos os demais que necessita para o trabalho. Não esquecer a EMBASA !Uma vez, trabalhando com um engenheito, ele me disse. Hoje, não há problema que a engenharia não resolva...

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.